Saúde Mental: como mantê-la em tempos de isolamento social?


Além do Covid-19, um outro assunto tem tomado conta das redes sociais e dos debates na TV. Como superar os conflitos psicológicos e os efeitos negativos gerados na mente durante esse período de isolamento da sociedade como um todo?

A falta de rotina pode gerar conflitos na nossa mente, como sensação de desânimo ou dificuldade para levantar da cama.

A primeira e mais importante premissa é: cama foi feita para dormir! Assim, evite ficar na cama ao longo do seu dia. Se não tiver muito espaço em casa, improvise um escritório com mesa e cadeira, mas não fique na cama, mesmo que trabalhando.

Muitas pessoas também estão se sentindo sobrecarregadas, pois além de todas as obrigações de trabalho, ainda têm que lidar com a arrumação da casa e o entretenimento dos filhos. Tenho visto em vários grupos de whatsapp, mães reclamando, se sentindo sobrecarregadas e sem criatividade para lidar com o tédio dos filhos.

Outras, essas sem filhos, sobrecarregadas com a junção das tarefas de casa com as obrigações do trabalho. Por isso, aí vão algumas dicas de profissionais para lidar com esses problemas quase que unânimes nesse momento:

1. Divida as tarefas de casa se você não mora sozinha: estipule dia e horário com tarefas especificas para cada um, isso pode ser até uma forma de entreter os filhos, fazendo-os gastar a energia acumulada. Por exemplo, cada um deve arrumar seu quarto logo pela manhã, um lava a louça do almoço e outro do jantar... São inúmeras as possibilidades!

2. Estipule horários de trabalho: home office muitas vezes à primeira vista pode parecer confortável, no entanto, na prática, pode significar mais horas de trabalho, já que é mais difícil controlar a sua jornada e o número de horas que você trabalha. Por isso, fique de olho no relógio e tente controlar o horário que você está trabalhando, assim como os intervalos para refeição ou outras tarefas.

3. Faça uma rotina de exercícios diariamente: utilize cadeiras, o sofá, o seu tapete da sala, a escada da sua casa, caso tenha, para fazer exercícios e gastar a sua energia acumulada. Se não souber o que fazer, use o youtube ou lives no Instagram para fazer aulas acompanhadas por profissionais; como yoga, musculação, treinos curtos de intensidade alta, o que não faltam são pessoas se disponibilizando a ajudar.

4. Se você faz terapia, pergunte ao seu terapeuta se ele pode manter as sessões através da consulta à distancia, acho que essa é uma das melhores dicas para manter sua sanidade mental. Ninguém melhor que o seu terapeuta para ajuda-lo a superar esse momento de reclusão e incertezas.

5. Leia livros otimistas, que te acalmem ou passem uma mensagem bacana e evite leituras que te deixem ansiosa ou agitada. Inconscientemente, filmes ou livros com mensagens negativas, tristes ou muito agitadas podem te atrapalhar.

6. Se você puder, use esse tempo para aproveitar sua família, estipule horários para ver filmes ou séries juntos, ou simplesmente bater um papo. Aproveite esse tempo para sentar e comer com sua família, oportunidade que talvez, na correria do dia-a-dia, você não tenha. Se está sozinho, faça Facetime com quem você ama. Isso o ajudará a se sentir acolhido e menos sozinho.

7. Se tiver filhos, tente manter a rotina de horário deles o máximo possível, principalmente quanto a horários para acordar e dormir. Isso os ajudará na readaptação, quando tudo voltar ao normal.

Enfim, a mensagem principal que queremos passar é: seja criativo e otimista! Isso é apenas uma fase: assim como os momentos de calmaria passam, os de incertezas e desordem também passarão! Fé e positividade sempre!

Esperamos que todos consigam passar por essa fase da melhor maneira possível e que saiamos mais fortalecidos dessa!

13 visualizações

E-mail:

bow.store@outlook.com

(31) 99978-0151

(11) 93482-3668

  • Redes Sociais

Belvedere, Belo Horizonte/Minas Gerais

CEP 30320-610

CNPJ 17.320.309/0001-61

©2019 by bowstore